Páginas

sexta-feira, 21 de março de 2014

Bellini - Arrepia, Zagueiro

O Chutebol reverencia Bellini, capitão da Seleção Brasileira Campeã do Mundo em 1958. 
Bellini faleceu ontem.
Obrigado e adeus, Capitão.

"Quando, a pedido de alguns fotógrafos brasileiros, Hideraldo Bellini levantou a Jules Rimet acima da cabeça, em direção ao céu, logo após o Brasil conquistar seu primeiro título mundial, em 1958, na Suécia, o capitão da seleção brasileira não sabia que seu gesto seria repetido desde então por todos os capitães campeões do mundo. Tornou-se uma marca registrada dos vencedores. E não só do futebol. Em qualquer esporte, o capitão campeão ergue o troféu para os céus, mesmo aqueles que nunca ouviram falar do brasileiro." (O Globo, 21.03.14)

O genial Jorge Ben musicou a essência do espírito do zagueiro, por assim dizer - e, claro, fez uma baita música, como de hábito. Data de 1975 essa maravilha!


'Zagueiro' - Jorge Ben Jor

Arrepia, zagueiro
Zagueiro
Limpa a área, zagueiro
Zagueiro
Sai jogando, zagueiro
Zagueiro

Ele é um bom zagueiro
É o anjo da guarda da defesa
Mas para ser um bom zagueiro
Não pode ser muito sentimental
Tem que ser sutil e elegante
Ter sangue frio
Acreditar em si
E ser leal

Zagueiro tem que ser malandro
Quando tiver perigo com a bola no chão
Pensar rápido e rasteiro
Ou sai jogando ou jogaa bola pro mato
Pois o jogo é de campeonato

Tem que ser ciumento
E ganhar todas as divididas
E não deixar sobras pra ninguém
Tem que ser o rei e o dono da área
Nessa guerra maravilhosa de 90 minutos
De 90 minutos

Arrepia, zagueiro
Zagueiro
Limpa a área, zagueiro
Zagueiro
Sai jogando, zagueiro
Zagueiro

3 comentários:

Mirian disse...

Bela homenagem, Rodrigo!

Vou mostrar ao Luca!

Bjs & bom fim de semana,

Mirian

Inês disse...

Parabéns ,Rodrigo pelo seu PROJETO CHUTEBOL !

Grande abraço saudoso, e sempre desejando o seu sucesso,

Inês

Rodrigo Tupinambá Carvão disse...

Valeu!!