Páginas

segunda-feira, 25 de novembro de 2013

Dona Teresa e o Maracanã das Copas

Caríssimos, vejam só que legal:

Dona Teresa, avó do nosso aluno Bruno Cupello (que já está conosco há um tempão e joga uma bola redondinha), e que sempre acompanha as partidas do neto no Chutebol, estava lá no Maraca na final da Copa de 1950 - e agora voltou, a convite do SporTV,  a visitar o estádio! A Paula (mãe do Bruno) enviou, e publicamos aqui - confira na adaptação da reportagem, abaixo:

Brasileira que viu Copa de 50 sonha com 'final feliz' 



"Festa, ritmo de carnaval, cantorias, comemorações, alegria contagiante. Clima dos torcedores brasileiros durante a Copa do 1950, até o jogo final, contra o Uruguai, em que o gol de Ghiggia calou toda a euforia. Encantamento, admiração, surpresa, esperança. Sentimentos de uma brasileira que esteve presente na derrota do Brasil, há 63 anos. Agora, Teresa Gonçalves, de 81 anos, retornou ao Maracanã pela primeira vez após a última reforma. Ficou encantada com o estádio que vai receber a final do Mundial de 2014, onde espera ver uma decisão com o Brasil campeão.

(...) As honras entre templo e apreciadora foram feitas. E com muitos méritos. Dos seus 81 anos, dona Teresa dedicou boa parte deles às idas ao Maracanã. Com uma boa memória, lembra de cada detalhe, de todos os momentos marcantes. E sente orgulho por ter tudo isso registrado na lembrança.

- Eu vi tudo que eu tinha que ver. Vi o milésimo gol e a despedida de Pelé, vi os jogos do Santos. O Santos vinha ao Rio de Janeiro e nós vínhamos ao Maracanã. Eu vi Heleno de Freitas (que brilhou no Botafogo na década de 40 e jogou pelo Santos no início dos anos 50) - relembrou, com sorriso no rosto.

Em mais um dia para guardar na alma, dona Teresa passeou no gramado do campo pela primeira vez, manifestando uma emoção diferente. Com uma ansiedade atingindo níveis máximos, agora ela também quer experimentar outra sensação que ainda não conhece: a de ver o Brasil levantando a Copa do Mundo em pleno Maracanã."


Assista ao vídeo, com entrevista de D. Teresa em:
Reportagem D. Teresa no SporTV


Aquele abraço, saudações esportivas


2 comentários:

Mirian disse...

Que delicia de vovó, Rodrigo!!!

Bjs,

Mirian&Luca

Rodrigo Tupinambá Carvão disse...

Não é, mesmo?!
bjs