Páginas

quarta-feira, 28 de novembro de 2012

'Perdi mais do que Ganhei' - você, não?

Caríssimos (as),

Em tempos de competição desmedida, de narcisismo nas alturas e de, permitam-me, uma certa burrice pragmática, é alentador ouvir, de um craque consagrado como o holandês Clarence Seedorf, palavras que nos remetem a um bom senso que anda faltando. Reproduzimos aqui uma parte de sua entrevista no 'Globo' de 25/11/2012, e a íntegra da matéria foi postada em nossa página no Facebook, em http://www.facebook.com/Chutebol.



"Nascido no Suriname, terra de seus avós e de seus pais, educado e revelado na Holanda, onde se radicou, com passagens duradouras pela Espanha e pela Itália, Clarence Seedorf, 36 anos, parou no Brasil, ao menos por ora. Seu pai e sua mãe trabalhavam 18 horas por dia para dar um futuro melhor aos filhos, o que poderia explicar a obstinação do craque pelo trabalho, não fosse ele um cultor mais das ideias do que dos números, que vê no esporte um terreno para refleti-las na vida.


'(...) Na minha vida, perdi mais do que ganhei. Com todo mundo é assim. Mas a vitória, mesmo, que fica, é a da constante superação e dos valores que passamos, independentemente dos números'. Partidário da ideia de que o futebol é estruturante de comportamentos sociais e multiplicador de princípios éticos e morais, ele enxerga um viés negativo na maneira como muitas vezes é espelhado pelos responsáveis por sua gestão e também pelas mídias, que estariam, segundo ele, mais concentradas na degradação das personalidades do que na construção de exemplos." 
***


[Foto de Marcella Goulart]

Ah, claro, seguem abaixo os resultados da 4a Rodada da Copa Futsal - e, para não perder o costume, passamos à semifinais com a valente equipe do Uruguai, num jogão que fez muita gente lembrar que estava com os exames do coração em dia! Em tempo: a equipe do Uruguai disputará a semifinal de sua categoria neste sábado, 01/12, às 15h, no Ginásio do Clube Militar - vale a sua torcida, compareçam!!

[A Tunísia se despediu em grande estilo: 6x0 !!]

Colômbia 1x3 EUA
Tunísia 6x0 Senegal
Uruguai 7x6 Argentina
Itália 5x0 Ucrânia
Sérvia 2x4 Irlanda
Portugal 4x1 Inglaterra
Croácia 2x2 França

Agradecemos mais uma vez ao apoio das famílias, que puderam passar a ideia da importância do comprometimento com uma equipe; puderam também, como nós, aprender com os jogadores pois, como disse o Pequeno Príncipe lá no meio de suas páginas, o essencial é invisível aos olhos. Quem foi lá viu crianças e adolescentes aprendendo, crescendo, se educando; reagindo às dificuldades, colocando a agressividade pra fora por meio do jogo, que é a forma mais saudável de fazê-lo; sorrindo, chorando, ganhando e perdendo. Números ou taças não medem isso. Isso tudo é simplesmente imensurável - quem viver, viveu. 

Seguimos em frente com a nossa proposta: cobrar resultados esportivos de crianças é um contrassenso. E isso em nada contradiz uma saudável vontade de vencer, é bom que fique claro. Mas o consagrado Seedorf perdeu mais do que ganhou. Me parece que eu também. Você, não?

Saudações esportivas, aquele abraço

8 comentários:

Gisele Fortes disse...

Oi Thiago e Rodrigo ,

Aproveito para dizer-lhes algumas palavras !
Meu filho Bernardo esta cada vez mais apaixonado e interessado pelo futebol ...Desde os 5 anos, ele realmente se beneficiou muito neste processo de aprendizado , com as experimentações , regras, técnica, ludicidade e o prazer de vir descobrindo suas habilidades motoras , individuais , grupais ,,, sua confiança, força e auto estima ampliaram , dentro das aulas e em todos os outros grupos , onde o futebol eh um grande estimulo para novas amizades e encontros que socializam.
o olhar atento , firme e afetuoso do professor Thiago , ajudou muito neste processo de crescimento e desafios !! Reconheço com muita admiração , a forma que vocês ensinam esse esporte e seus benefícios .

Me despeco com SAUDAÇÕES TRICOLORES,,, O dia hj comecou com futebol , Bernardo feliz com seu gol , e com seu time de coracao TETRACAMPEÃO !!!!!

UM abraco

Juliane disse...

Oi Rodrigo

Fiquei super feliz ao perceber também como Tomás está bem mais desenvolto e sobretudo focado no jogo e no grupo como um todo .
Fruto do trabalho sensacional q você desenvolve !
Todo trabalho feito com envolvimento e coração tem resultados excelentes !

Andrea Martinelli disse...

Paixão alvinegra a parte, estou com Seedorf!!
Vejo nas palavras do craque, agora alvinegro, a direção de trabalho do Rodrigo que tanto encanta e ensina nossas crianças.
Continuamos na torcida pela equipe do Uruguai.
Pela vitória, mas principalmente, por mais um desafio que possa trazer efeitos que irão acompanhar nossos filhos por outras tantas disputas que terão pela frente!!!
Andréa e Hailton

Andrea Martinelli disse...

Paixão alvinegra a parte, estou com Seedorf! Reconheço na fala do craque, agora alvinegro, a direção do trabalho do Rodrigo que tanto encanta e ensina a nossas crianças!!
Seguimos juntos na torcida pela equipe do Uruguai. Pela vitória, mas principalmente por mais um desafio que traga efeitos positivos para as muitas disputas futuras que nossas crianças terão pela frente!!
Vamos nessa!!!

Anônimo disse...

Rodrigo, mt legais os comentários, sempre com citações literárias, bacana! É isso aí, o importante é o crescimento deles, participar da equipe... Parabéns pelo trabalho! Posso falar pelo Tom, que adora a aula, se sente valorizado e reconhece o quanto cresceu.
Abs,
Inês

UM SOBREVIVENTE disse...

Sensacional, Biga. Crianças em boas mãos, não tenho dúvidas!
Beijão

Rodrigo Tupinambá Carvão disse...

Valeu, João e demais boleiros(as)!
Grande abraço!

Cacau disse...

Por isso joga para o TIMÃO!!!!